Origem dos Contos de Fadas: Chapeuzinho Vermelho

Hey, Freaks!

Como vocês já sabem, resolvemos trazer as versões originais dos contos de fadas, que são bem diferentes das histórias que a Disney popularizou através dos anos. Algumas foram baseadas nas versões dos Irmãos Grimm e o segundo conto que iremos contar é o da Chapeuzinho Vermelho.

Originalmente, o conto foi escrito por Charles Perrault, um escritor francês que foi fundamental para estabelecer os contos de fadas como gênero literário. Ele também é autor de “A Bela Adormecida”, “Gato de Botas” entre outros contos.

A história da menina da capa vermelha contada no século 17 tem um final assombroso, assim como vários outros momentos que foram modificados na versão atual. Vale também ressaltar que o caçador é um personagem criado pelos Irmãos Grimm para adicionar uma reviravolta na história e criar um fim menos triste. Vamos então conhecer como essa história surgiu!

 

Tudo começa com a mãe de Chapeuzinho – que tem esse apelido devido a uma capa vermelha que sempre usava e foi dava por sua vovozinha – pedindo para que a filha leve uma cesta com várias comidas para sua avó que mora na floresta e está doente. Junto com o pedido, ela também orienta a filha a não sair do caminho para pegar atalhos e nem conversar com estranhos.

No começo do caminho, Chapeuzinho encontra um lobo que começa a conversar gentilmente com ela e a fazer várias perguntas, ele quer saber para onde ela está indo e o que leva na cesta, desobedecendo o que sua mãe havia lhe ordenado, a menina responde a todas as perguntas do lobo e ainda lhe diz o caminho para a casa de sua avó.

O lobo então corre para chegar à casa da vovozinha primeiro que Chapeuzinho. Chegando lá, o lobo finge ser a neta esperada e a velhinha acreditando em sua imitação o explica como entrar na casa. Sem perder tempo, o lobo mata a senhora já debilitada, mas não a devora, ao invés disso ele veste suas roupas, cozinha sua carne e guarda seu sangue em uma jarra. Quando Chapeuzinho chega a casa, ela encontra com o lobo, sem notar que há algo errado, e ele oferece a ela carne e vinho. Sem saber, a menina come toda a carne e ainda bebe do que ela acredita ser vinho.

Depois da refeição, o lobo a convida para a cama, pedindo que ela fique nua antes de se deitar, Chapeuzinho obedece e tira sua roupa, jogando cada peça na lareira acesa, mas acaba percebendo que alguma coisa está estranha e que na verdade aquela não é sua querida avó. Desesperada ao perceber a situação, Chapeuzinho tenta fugir, mas não há mais tempo, o lobo a informa aos risos que a refeição que ela havia comido era sua querida vovó e acaba devorando a menina.

Referências: http://www.adorocinema.com/noticias/filmes/noticia-112347/?page=6 ; https://super.abril.com.br/especiais/o-lado-sombrio-dos-contos-de-fadas/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *